Escorpião


É a segunda Água do Zodíaco.
A Água que o Fogo habita, o Fogo instintivo da sobrevivência.
Esse Fogo telúrico, remanescente da explosão primordial.
Escorpião é o Signo onde o Homem, dissociado de uma Ordem maior, atinge, ao limite, a sua dissociação.
MARTE e PLUTÃO são os regentes deste Signo nocturno, profundo, abissal.
Em Escorpião, Marte, o desejo, é activado à máxima potência pela super voltagem instintiva de Plutão.
O Escorpião é prisioneiro do seu próprio desejo.
Prisioneiro de si próprio, dos seus medos, da sua inquietação, dessa força irracional que o habita até que a Morte o faça parar.
A morte do Ego, obsessivo e dominante.
Em Escorpião, o Homem ainda não flui bem com a Vida, rejeita a Morte, possuído pela insatisfação existencial do seu Ser solitário.
A ilusão de poder pessoal fá-lo projectar-se em desejo: sexual, psíquico, material.
Fundamentalmente, o poder material e sexual são formas indirectas de poder psíquico. Poder que o compensa ilusoriamente do seu mal-estar sentimental.
Assim, o Escorpião leva ao limite a capacidade de auto-afirmação. A insatisfação é o motor compulsivo, obscuro, inconsciente do seu comportamento. Signo secretivo, interiorizado, direcciona-se obsessivamente para tudo o que procura possuir ou dominar.
Considerando que se move por etapas cíclicas, os antigos Mestres chineses ensinam que os conflitos devem chegar à fase da Oposição, ao frente a frente das energias, à etapa da Lua Cheia, para virarem no seu contrário. O Escorpião, mais do que qualquer outro Signo, atrai os conflitos ao limite, o que o faz chegar rapidamente à fase da Oposição. Pela intensidade da sua afirmação pessoal, pela forma intensa como se projecta no desejo. Fatalmente se encaminha para a Morte, para a confrontação com a impotência.
Das cinzas, qual Fénix renascida, uma nova Vida vai surgir...
A esta experiência de profunda Mutação, a esta Alquimia psíquica e emocional, a esta passagem da Noite ao Dia, a Tradição chamou: a porta oculta do escorpião.
É o atravessar da Morte, o passar da Morte à Vida. Experiência de Salvação, necessária a cada Ser Humano. Para que possamos finalmente vibrar no fogo de Sagitário. Mais tarde ou mais cedo, todos teremos de a enfrentar. O Fogo de Sagitário, esse Fogo Solar, capaz de nos devolver o sentido desta nossa existência.
A porta que Escorpião vem abrir é a passagem que liberta o Homem do peso do seu instinto animal, obrigando-o a enfrentar a ilusão que o faz sobreviver como identidade dissociada de uma Vida Maior.
Em Escorpião acaba o Karma Humano, a dor da Separação.
Signo Alquímico, nele se processa uma Mutação Sagrada: a milagrosa passagem das Trevas para a Luz.

No hay comentarios:

Publicar un comentario

Seguidores