Quiron em Libra

A Balança, em busca de harmonia com aquilo que é diferente de si mesmo, tem que aprender a lidar com os conflitos inerentes à relação com o Outro quando Quiron está aqui. Esse planeta carrega em si a dor de conciliar opostos, e em Libra isso é feito através dos relacionamentos. O mais comum é que se atraia exatamente o oposto daquilo que se acredita ser: se a pessoa se identifica com a Vítima, vai atrair o Carrasco, se se identifica com o Salvador, vai atrair o Marginalizado, se se identifica com o Curador, vai atrair o Doente. Essas relações, porém, são desiguais, e a pessoa se sente solitária e infeliz, repetindo sempre o mesmo padrão de relacionamento até começar a perceber que está projetando no outro aquilo que não quer ver em si mesmo. Muitas vezes a pessoa com Quiron em Libra acredita que pode evitar a tensão emocional e a dor que acompanham o confronto desses relacionamentos se colocando como um observador neutro, o que só irá criar mais dor e fazer crescer o isolamento que se tenta escapar. A estratégia de diplomacia libriana para manter uma aparência harmônica não funciona aqui, e é preciso assumir os próprios sentimentos negativos, as raivas e medos, além de entender que é preciso momentos de solidão e encontro consigo mesmo quando envolvido em um relacionamento com um Outro, para poder ser honesto emocionalmente em lugar de projetar o que não se quer ver em si mesmo. O processo de construir uma relação onde as individualidades são assumidas e respeitadas pode fazer com que a ferida seja curada, pois o lado sombrio de cada um é entendido e honrado, em vez de se tentar, sem sucesso, simplesmente eliminá-lo.

No hay comentarios:

Publicar un comentario

Seguidores