Atuação de Quíron

“Quíron impele à ação em benefício da totalidade cósmica. Quíron solicita mudanças e atividades em prol das necessidades cósmicas/gerais, sugerindo que usemos nossos dons pessoais e intuições para resolver questões bem concretas e paradoxais, dotadas de significado pessoal e transpessoal. Como Urano, Quíron atua através do conhecedor dentro de nós, desafiando-nos a abandonarmos nossos preconceitos e racionalidade e incentivando-nos a seguir aquela centelha de ação iluminada em nós que faz exatamente aquilo que é mais apropriado, de diversos pontos de vista ao mesmo tempo.

Quíron nos remete à questão mestre-vítima, e a nossa capacidade de resolvermos enigmas que não têm precedentes. Ele realça nossas habilidades mágicas - o desafio às expectativas, a criação de milagres ou à capacidade de seguirmos e encontrarmos o caminho mais curto para atravessar o labirinto. Quando Quíron está forte, apresenta-se a nós muitos problemas e dilemas, aparentemente impossíveis de resolver, que podem ser magistralmente elucidados por meio de uma mudança contextual, uma expansão da percepção e uma abertura de nosso brilho e genialidade - ou, muitas vezes, do bom e velho senso comum, que antes não tínhamos vislumbrado. Acontecem coisas estranhas, mas elas têm significado no quadro geral. Quando tudo parece impossível e temos de desistir, abrimo-nos a Quíron e encontramos a chave que abre a porta que bloqueia nosso caminho. Tudo o que acontece em relação a Quíron parece destinado a acontecer. Sincronicidades e extraordinárias reviravoltas e aberturas, orientação interior e situações que nos abalam profundamente, caracterizam a ação de Quíron. Nossa tarefa consiste em facilitar o caminho do fluxo universal em nós, pois, quando agimos em harmonia com essa Força nossa capacidade de criar obras-primas de aparentes fracassos aumenta, levando a resultados onde os benefícios gerais e pessoais se igualam”.

(Palden Jenkins)

No hay comentarios:

Publicar un comentario

Seguidores